26.05.2017

Experiência Braztoa recebe Selo Evento Neutro

A Experiência Braztoa terá quatro edições e passará pelas cidades de Recife, Curitiba, Goiás e Belo Horizonte

Investindo em ações de sustentabilidade e buscando sempre a promoção das boas práticas do turismo, a Braztoa irá neutralizar as emissões de gases de efeito estufa (GEE) de todos eventos da Experiência Braztoa 2017.

A quantificação dos GEE segue a metodologia internacional do GHG Protocol (Greenhouse Gases Protocol), que considera as emissões relacionadas aos diversos aspectos do evento: deslocamento terrestre e aéreo dos participantes e organização, veículos utilizados para montagem e desmontagem, consumo de energia e óleo diesel (geradores) e resíduos gerados. Após o cálculo, as emissões serão compensadas com o apoio financeiro – compra de créditos de carbono – a projetos ambientais brasileiros certificados: Ecomapuá Amazon REDD e Cerâmicas Arrozal, GGP e Sul América.

Ações como essa viabilizam economicamente projetos de desenvolvimento sustentável que não existiriam sem os incentivos do mercado de carbono, contribuindo para o desenvolvimento ambiental, social e econômico da região; permitem que as florestas tenham mais valor em pé́ do que derrubadas, criando um valor financeiro para o carbono armazenado nas árvores; e conscientizam sobre causas e consequências das mudanças climáticas assim como o compromisso de preservação florestal.

A emissão de CO2 do evento Experiência Braztoa Recife será de aproximadamente 5,930 toneladas de CO2, o que equivale as emissões de aproximadamente 29 viagens aéreas entre São Paulo e Fortaleza.

Serão comprados 6 créditos de carbono (a cada 1 ton de CO2 emitido é compensado com a compra de 1 crédito de carbono) dos projetos Ecomapuá Amazon REDD(Ilha de Marajó/Pará) e Cerâmicas Arrozal, GGP e Sul América (Rio de Janeiro).

Saiba mais sobre os projetos incentivados:

O Projeto Ecomapuá Amazon REDD apresenta como objetivo principal evitar o desmatamento não planejado de uma área de 86,269.84 ha. Prevê reduções no desmatamento e nas emissões de CO2 durante os 30 anos de vida útil do projeto, além disso, os créditos de carbono gerados também serão dedicados a melhorar as condições sociais e ambientais de comunidades locais.

O projeto Cerâmicas Arrozal, GGP e Sul América tem como objetivo a substituição de óleo combustível derivado de petróleo, utilizado nos fornos para confecção de peças, por óleo derivado de biomassa renovável (fonte limpa de energia). Além disso, o projeto aplica parte de seus créditos de carbono para manter ações sociais (cursos de alfabetização, práticas esportivas, inclusão social) para a comunidade do entorno das fábricas de cerâmica.

Sobre a Braztoa

A Braztoa (Associação Brasileira das Operadoras de Turismo) reúne operadoras de turismo, colaboradoras e empresas de representação de produtos e destinos, além de convidados, responsáveis por estimados 90% dos pacotes turísticos comercializados no Brasil.

Em 2016, as operadoras associadas à Braztoa faturaram R$ 11,3 bilhões e embarcaram mais de cinco milhões de passageiros durante todo o ano. Essas mesmas empresas geraram um impacto econômico de R$ 10,6 bilhões para a economia nacional, neste mesmo período (quantia que contempla a soma do valor dos pacotes comercializados para destinos nacionais, com o gasto médio diário com extras do turista nos destinos).

Entidade de vanguarda e sem fins lucrativos, a Braztoa promove ações e parcerias que valorizam as atividades empresariais dos associados, apoiando o desenvolvimento do mercado turístico de forma sustentável.

Informações à imprensa

Agência Guanabara

Diego Sierra – diego@agenciaguanabara.com.br