13.04.2015

Operadoras querem atrair turista para Aparecida

O Sindicato de Hotéis, Restaurantes, Bares e Similares de Aparecida e Vale Histórico (SinHores) promoveu nos dias 7 e 8 de abril o Encontro Empresarial de Turismo Religioso, realizado na Pousada do Bom Jesus, em Aparecida (SP). O evento, produzido em parceria com a Braztoa, teve como tema principal o fomento do turismo religioso no Brasil. O objetivo dos empresários e operadores é projetar a cidade de Aparecida, que abriga o maior santuário mariano do mundo, como destino para turistas estrangeiros, principalmente latino-americanos, majoritariamente católicos. A idéia é que esses turistas visitem a cidade principalmente entre segunda e quinta-feira, quando o movimento é bem menor em comparação com os fins de semana.

O evento contou com a participação das operadoras CVC, Flot, JVS, Schultz, Monark e Turnet, associadas à Braztoa. “O Encontro foi direcionado aos negócios. Acreditamos que o futuro do turismo em Aparecida será ainda mais promissor. Entretanto, é necessário que a hotelaria local alcance o padrão internacional, como acontece em Lourdes, na França; Fátima, em Portugal; e Guadalupe, no México”, afirma o presidente da Braztoa, Eduardo Barbosa.

“Vejo grande oportunidade de negócios para atrair à Aparecida turistas dos Estados Unidos e México, duas outras potências do catolicismo no continente americano. Para impulsionar este produto é necessária uma efetiva participação dos agentes envolvidos: iniciativas pública e privada e Igreja. Aparecida tem a vantagem de contar com bons guias, hotéis e estrutura para receber os turistas”, avaliou Peniche.