29.10.2014

TERN – Tourism Emergency Response Network tem participação da Braztoa

Grupo discute a disseminação do vírus Ebola No ultimo dia 16 de outubro, Olga Arima, diretora de Capacitação da Braztoa participou do TERN (Tourism Emergency Response Network ), uma teleconferência onde um grupo formado por órgãos do turismo mundial que se reúnem em momentos críticos, para trocar informações em primeira mão, a fim de se posicionarem (e a seus membros) em relação ao tema em questão. Nessa teleconferência, onde a pauta girou em torno do Ebola, vários pontos foram levantados e que serão úteis para o trabalho com outras agências da ONU, para análises e informação para o setor. Estiveram presentes representantes dos seguintes órgãos :

• WTTC – World Travel and Tourism Council

• ABTA – Association of British Travel Agents

• DRV – German Travel Association

• SETO – Syndicat des Entreprises de Tour Operating (France)

• ETC – European Travel Commission

• ICTP – Int’l Council of Tourism Partners

• ATTA – African Travel and Tourism Association

• ASTA – American Society of Travel Agents

Entre os objetivos do TERN, estão:

• Convergência da comunicação sobre temas relevantes para o turismo e em situações de crise;

• Evitar o uso de certas palavras ou termos inadequados que prejudicam o turismo ou destinos, como aconteceu no início do H1N1, que era chamada de gripe suína ou gripe mexicana;

• Ajudar a superar certas percepções sem fundamento científico, como o risco de viagens ao Japão ou a restrição ao pouso de aeronaves oriundas daquele país depois do tsunami e acidente nuclear de Fukushima.

O TERN atuou pró os operadores e governos durante o problema da nuvem de cinzas do vulcão da Islândia em 2010 e os eventos da primavera árabe na Tunísia e especialmente no Egito em 2011.